Abertas as inscrições para o 38º Festival Maranhense de Coros

Vozes em Extensão

38 FEMACOO 38º Festival Maranhense de Coros (FEMACO) acontecerá de 26 a 28 de outubro/18, no Teatro Artur Azevedo, em São Luís (MA). Aberto ao público, o FEMACO está com inscrições abertas para grupos estaduais e nacionais de canto coral que querem se apresentar no maior encontro de coralistas do Norte-Nordeste do país. As inscrições são gratuitas e poderão ser feitas até às 23h59m do dia 6 de outubro de 2018 no site: www.cultura.ufma.br.

Realizado há quase quatro décadas, pela Universidade Federal do Maranhão (UFMA), por meio do Departamento de Assuntos Culturais (DAC) da Pró-Reitoria de Extensão, Cultura e Empreendedorismo (Proexce), o festival estimula e difunde a prática do canto coral brasileiro, promove o intercâmbio cultural e o congraçamento entre a UFMA, os grupos corais participantes e a comunidade de São Luís e de outras cidades brasileiras.

Segundo o regulamento, o 38º FEMACO não será competitivo. A diretora do DAC e coordenadora geral do festival, Fernanda Santos Pinheiro, informa que “poderão participar grupos corais adultos de vozes mistas ou iguais, corais infantis e infanto-juvenis de todo o Brasil. O FEMACO terá o palco nobre do Teatro Arthur Azevedo. Nos dias 26 e 27 de outubro, começa às 19 horas e no dia 28, às 18 horas”, disse a diretora Fernanda Pinheiro.

Para os corais adultos, o repertório é de livre escolha e poderá constar de peças avulsas ou composições como missas, cantatas, oratórios, madrigais, musicais, para um tempo máximo de 20 minutos. Para os corais infantis e infanto-juvenis o repertório será de livre escolha para um tempo máximo de 15 minutos, incluindo explanação do regente sobre repertório ou processos de trabalho. Para mais informações: 98 3272-9366, 9360 e 9361.

“A programação do 38º Festival Maranhense de Coros constará de uma apresentação conjunta de corais adultos e infantis e infanto juvenis de São Luís na noite de abertura e nas duas noites subsequentes, apresentação individual dos corais infantis e infanto juvenis no início da noite, seguida da apresentação dos corais adultos”, observa a diretora do Dac e coordenadora geral do festival, Fernanda Santos Pinheiro.